Depilação é sustentável?

Se você se preocupa com a preservação do meio ambiente, saiba que existem alguns métodos que geram menos lixo e, por isso, são mais sustentáveis

Nesta sexta-feira, 05/06, é comemorado o Dia do Meio Ambiente, um momento importante para refletir sobre ações que podem ajudar na preservação do planeta. Quem trabalha no segmento de saúde e estética sempre recebe alguns questionamentos dos clientes: como ficar com a pele bonita de maneira sustentável? Quais os impactos da depilação no ambiente?

Primeiramente, as pessoas que gostam de se depilar podem continuar com o procedimento estético sem culpa. Há vários métodos que geram menos lixo e, por isso, agridem menos o meio ambiente. A Vialaser separou algumas práticas e fez uma rápida análise de cada uma delas. Veja qual procedimento é mais apropriado ao seu estilo de vida e a relação que tem com a sustentabilidade.

1 – Depilação a cera

Um dos métodos mais comuns, a cera é feita de parafina e resina. A parafina tem 95% de sua composição em petroquímicos. Por isso, é importante verificar para onde a cera vai depois de utilizada. Nos lixões, os ingredientes da cera podem agredir o meio ambiente. Neste caso, a sugestão é utilizar ceras de depilação ecológicas, já disponíveis no mercado, que se decompõem em poucos dias.

2- Lâminas

Ao optar por esse método mais simples, escolha um barbeador de metal. Ele é reutilizável e dá para descartar e reciclar apenas a lâmina. O barbeador de plástico, quando descartado, demora 400 anos para se decompor.

3- Máquina depiladora

É um método rápido, eficiente, porém mais dolorido do que o barbeador, pois os pelos são puxados pela raiz. Além disso, não gera lixo. Depois de usar por muito tempo é preciso pensar na forma correta de descarte. Normalmente, há empresas que recebem lixo como celulares, computadores, pilhas e esses tipos de aparelhos. Pense no meio ambiente e procure uma empresa dessa para descartar corretamente os equipamentos.

4 – Depilação a Laser

Em comparação a outros métodos, a depilação a laser é um dos mais sustentáveis no mercado, uma vez que o equipamento utilizado para a eliminação dos pelos não gera poluentes. Durante as sessões, a quantidade de descartáveis utilizados para a higiene é consideravelmente menor. Outra vantagem: é um procedimento seguro e praticamente indolor.