Unibes Cultural promove o Festival do Fazer com oficinas e diversas atividades para celebrar a cultura e a criatividade

Evento em formato online e presencial de 20 a 23 de outubro; são diversas atividades e busca explorar as criações artesanais para o desenvolvimento da imaginação e da criatividade

A Unibes Cultural, em parceria com a Revolução Artesanal e Intotun, promove entre os dias 20 e 23 de outubro, o “Festival do Fazer”. Um evento que tem por objetivo despertar a criatividade e valorizar as criações artesanais e manuais, utilizando as mãos e o próprio corpo, para de fato fazer, desenvolver e conhecer novas possibilidades. O evento será presencial para São Paulo e online para todo o Brasil, com mais de 20 oficinas, 6 vivências criativas, 2 desafios criativos e 6 rodas de conversa, deste modo o festival quer celebrar a arte e a cultura.

Segundo Bruno Assami, idealizador e diretor executivo da Unibes Cultural, o evento busca valorizar o fazer artesanal e manual. “O Festival do Fazer promete acordar o corpo e dar forma a novas formas, deixar o pensamento fluir pelas mãos e pelos nossos fazeres individuais. Para ativarmos nossa criatividade, e nos conectarmos com o sentido de um futuro que estamos criando no presente, com nossas mãos”.

Atividades interativas darão o tom do festival. Oficinas irão ensinar e desenvolver novas habilidades manuais, colocando verdadeiramente a mão na massa para construções e criações. Além das oficinas, o Festival do Fazer terá desafios criativos que foram pensados para servir à criatividade. Um deles é a estamparia manual que promete ensinar diferentes técnicas e jeitos para desenvolver uma estampa nova e descolada. Outro desafio, chamado UP Cycling, vai transformar algum objeto que o participante já possua em um novo produto, por meio da reutilização criativa, ou seja, darão uma função diferente da qual o produto ou partes dele foram inicialmente projetados. Cada participante irá trazer o seu próprio material, sem necessidade de comprar matéria prima, engajando-se no reaproveitamento de objetos, com criatividade e respeito ao meio ambiente.

As rodas de conversa também são atividades presentes no Festival e pretendem exaltar experiências vividas entre os participantes, além de buscar um sentido coletivo. Nesta atividade, diversos assuntos serão tratados: utilização do tato, valores sociais, ativismo pela criatividade, futuro da sociedade, entre outros temas que serão abordados com a temática voltada ao Festival do Fazer.

Desse modo, o evento pretende despertar a criatividade, os sentidos, com atividades presenciais e virtuais, para todos os públicos e amantes da arte e cultura. Para mais informações sobre o Festival do Fazer, com datas e horários das atividades, acesse o site do evento ou ligue para (11) 3065-4333.

Acompanhe as redes sociais da Unibes Cultural:

Acompanhe as redes sociais da Unibes Cultural:

Facebook | YouTube | Instagram | LinkedIn