SI Advisors dá dicas para deixar a sua casa aquecida no inverno

Tapetes, almofadas, uma boa iluminação e até mesmo lareira externa são ótimas opções para tornar a residência mais aconchegante nesta época do ano

Manter sua casa aquecida durante o inverno, além de deixá-la confortável e muito mais aconchegante no dia a dia também ajuda a prevenir doenças respiratórias e alergias, algo muito comum nessa época do ano. Sem contar que alguns imóveis tendem a ser originalmente mais gelados por vários motivos, como o local em que foi construído, paredes um pouco mais finas, pouca iluminação do sol sem contar que nem todas as residências têm um sistema de aquecimento, principalmente porque moramos em um país tropical.

Aquecer o lar pode exigir até mesmo uma boa reforma, mas há outros truques mais simples, práticos e acessíveis para mantê-lo na temperatura ideal. Por isso, a arquiteta da SI Advisors, Tatiana Pugliese separou algumas dicas que podem ser utilizadas para esquentar a sua moradia no inverno:

Faça uma adaptação de sua casa ao clima

Segundo a arquiteta, não há uma decoração específica para uma determinada época do ano, a não ser que seja algo muito peculiar para residências de campo ou montanha que a pessoa opte por passar a temporada de inverno. Os complementos da decoração podem ser adequados ao clima. Uma boa opção é a utilização de velas de diversos tamanhos, podendo ser monocromáticas ou coloridas fazendo parte da composição do projeto de interiores, podem ser, também mantas, almofadas de tecidos como veludo, colchas e complementos de lã e materiais naturalmente mais quentes.

Tapetes, carpetes e cortinas podem ser um ótimo coringa

Os tapetes ajudam muito a compor esse clima, mas a especialista explica que o ideal é encontrar um produto atemporal. O melhor é utilizá-lo complementando com um sobre-tapete (algo como um tapete sobre o outro) com algo mais aconchegante, de fios mais altos, mais densos ou até mesmo os de pelos sintéticos. As cortinas no inverno ou verão também precisam ser bem escolhidas e enquadradas corretamente, completando os vãos. Para a arquiteta, a cortina e o tapete são a roupa íntima da casa, pois é por meio deles que se inicia o “vestir” de todo restante.

Iluminação em tons quentes

Investir em tons quentes é uma opção perfeita para dar a sensação de bem-estar e tranquilidade. A iluminação em tons quentes cria um aconchego visual e os detalhes de iluminação indireta trazem um elemento diferenciado. Em todos os ambientes as cores escolhidas já traduzem um pouco da sensação visual e térmica, por isso criar uma base neutra de escolhas abre possibilidade para usar tons mais terrosos, quentes e profundos do inverno

Salas de estar

Para esse ambiente, Tatiana indica alguns truques como utilizar elementos fáceis e soltos como capas de almofadas, mantas e cestarias. Esses objetos possuem um preço mais acessível e podem ser trocados a cada estação. Uma boa opção é manter as mantas enroladas próximas a poltronas e sofás, além de ficarem super charmosas.

Quartos

Uma boa pedida para os quartos são os pisos de madeira, que por si só já deixam o local mais aquecido e aconchegante, lógico que isso também deve ser avaliado em cidades de praia ou em locais muito quentes. Para cada tipo de piso podemos complementar com passadeiras e tapetes maiores em baixo de toda cama, deixando o ambiente ainda confortável e tornar a hora de dormir e acordar em um momento de relaxamento.

Lareiras a álcool

A profissional explica que elas têm um charme único e dão a possibilidade de instalação tanto interna, quanto externa. Além da lareira, é possível utilizar uma mesa de apoio, buffet ou centro e colocar velas em castiçais, trazendo o elemento fogo para dentro de casa. Não é recomendado velas sem redomas, próximas à madeira ou materiais inflamáveis. Vale lembrar que lareiras externas com poltronas e mantas são o tom do inverno.